Profotos . Manguezal Pará
Histórias Banco de Imagens


Dinâmicas no Manguezal
Bragança - Pará


Mangue©LiliaTandaya


Mangue©LiliaTandaya


Mangue©LiliaTandaya


Mangue©LiliaTandaya




Mangue©LiliaTandaya


Mangue©LiliaTandaya


    

 



 


O manguezal é um ecossistema de transição fundamental para manutenção da fauna e flora do ambiente marinho. Espécies de peixes, crustáceos e moluscos passam toda ou, pelo menos, parte de suas vidas no manguezal, garantindo alimentação, reprodução, desova, crescimento e também proteção contra predadores.

Situados na zona estuarina, que é das mais ricas em formas de vida, os maguezais são áreas vitais do planeta. A preservação é promovida por estudos, controle do manejo dos recursos, da ocupação e da poluição que ameaçam o equilíbrio desse sistema.

Muitas famílias dependem economicamento do manguezal. A principal atividade é a do catador de caranguejo, que mantem a sustentabilidade do recurso cantando somente os machos.

Os invertebrados são abundantes no manguezal. Entre os crustáceos destacando-se várias espécies de caranguejo, como: caranguejo-uça (Ucides cordatus), ucas (Uca leptodactyla, U. pugnax, U. maracoani), marinheiros (Aratus pionii), aratus (Goniopsis cruentata), guaiamuns (Cardisoma guanhumi), siris (Callinectes danae, C. sapidus), cracas (Chthamalus rhizophorae, Balanus eburneus, B. pallidus, B. trigonus), e outros. Quanto aos moluscos, destaca-se nos a ocorrência de ostras (Crassostrea rhizophora), mexilhões (Mytella charruana) e caramujos (Mellampus coffeus, Littorina zig zag). Os turus também são comuns nesse ambiente (Teredo furcifera, T. navalis, Bankia gould, B. cieba, B. fimbritula e B. destructa).

O programa de pesquisa "Dinâmica e Recomendações para Manejo em Áreas de Manguezais de Bragança – Pará” (Mangrove Dynamics and Management - MADAM) teve início como termo de cooperação entre Brasil e Alemanha em 1995.A área de estudo do MADAM está localizada a cerca de 150 km da desembocadura sul do Amazonas, na zona estuarina do rio Caéte, na região Bragantina da costa Atlântica do Pará, prolonga-se em um total de 110 km², numa faixa de manguezal de até 20 km de largura. Visando estudar a funcionalidade, produtividade e sazonalidade, contribuir na formação de recursos humanos, e no intercâmbio de informações, experiências e publicações científicas.

 

 

 

Banco de imagens:

Projeto MADAM

Manguezal

Bragança



©  Lilia Tandaya
contato@profotos.com.br
2007-2018

Termo e Condições d Uso das Imagens